Recife: transformações na ordem urbana

Este livro discute as transformações na ordem urbana da Região Metropolitana do Recife, no período 1980-2010, à luz do debate atual sobre as metrópoles contemporâneas, visando um estudo comparativo das metrópoles brasileiras.

Destaca a profunda inversão de conjuntura por que passa a RM Recife, que, de estagnação e perda relativa de influência regional, nas décadas de 1980 e 1990, passa a vivenciar uma intensa dinamização econômica, especialmente a partir de meados dos anos 2000, com a implantação de grandes empreendimentos industriais e imobiliários em áreas distantes do polo. Processo este que não reverte a condição de metrópole regional incompleta, periférica e desigual, que define a metrópole do Recife desde a sua constituição.

Os 13 capítulos que constituem o livro retratam as principais mudanças e permanências que caracterizam esse processo, a partir de três perspectivas em que o livro se estrutura: o processo de metropolização; a dimensão socioespacial da exclusão/integração no contexto da região; e governança urbana, cidadania e gestão da metrópole do Recife.

recife